FOTO: Erlon Rodrigues/PC-AM

A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), por meio da Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (DERFD), deflagrou terça-feira (30/03), por volta do meio-dia, ação policial que resultou na prisão de Deborah Bruna Oliveira Assad, 23; Eduardo Rodrigues de Lima, 49; e João Victor Araújo da Silva, 26, investigados pelo crime de estelionato. O trio comercializava cilindros de oxigênio de uma Organização Não-Governamental (ONG) de maneira fraudulenta.

Durante a ação foram apreendidos nove cilindros, um veículo, que servia para o transporte desses cilindros, telefones celulares e dinheiro. As prisões ocorreram no bairro Cachoeirinha, zona sul de Manaus.

De acordo com o delegado Denis Pinho, titular da especializada, os indivíduos recarregaram os cilindros de forma criminosa, desviavam, e no déficit de oxigênio no Amazonas vendiam por valores abusivos.

“João Victor se infiltrou na ONG para realizar os desvios dos materiais e chegava a cobrar de R$ 2 a R$ 3 mil pelos cilindros. Estamos investigando, pois, esses desvios devem estar ocorrendo desde dezembro de 2020. Vamos dar continuidade para saber se há outras pessoas envolvidas no crime”, explicou o delegado.

A autoridade policial destacou que os cilindros apreendidos passarão por perícia e, após os procedimentos, serão devolvidos à ONG que realizará a destinação correta.

Procedimentos

O trio irá responder por estelionato. Ao término dos trâmites cabíveis, eles serão encaminhados à Central de Recebimento e Triagem (CRT), onde ficarão à disposição da Justiça.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui