O governador Antonio Danariun (PSL)  completou  apenas uma semana no cargo no executivo do Estado de Roraima, mas já sabe que terá em 2022 uma concorrente forte. É que no dia 03 de Janeiro de 2019, a prefeita Teresa Surita (MDB) anunciou a intenção de lançar o nome dela como candidata a governadora, para eleição 2022, em postagem do Twitter.

Maria Teresa Sáenz Surita Guimarães está no quinto mandato de prefeita em Boa Vista. Teresa comentava sobre as obras de reforma do Parque Anauá e justificava não ser de responsabilidade da prefeitura e sim do estado. Em seguida afirma: sendo governadora fará um governo moderno. “Eu governadora em 2022 significa um Parque Anauá com todo cuidado e modernidade que existe no Complexo Ayrton Senna! #De #Rocha Me deem a oportunidade e verão como se administra um estado!”, escreveu. Os seguidores dela se empolgaram e prometeram fazer campanha. No entanto, Teresa, mais prudente, reafirmou o sonho de governar o estado, mas disse que agora torce pela nova gestão, sem mencionar o nome do governador Antonio Danariun. ” Deixa eu falar uma coisa importante. Meu maior sonho é governar Roraima e peço a Deus q esse dia chegue. Mas, hoje sou prefeita e não governadora, nosso estado está um caos, torço para o melhor, torço para que o governo que assumiu melhore as coisas e vou ajudar em tudo que puder”. Em seguida retoma a euforia de participar da eleição de 2022 e diz ter plano arrojado. “Não podemos ser do time do quanto pior melhor. O Estado não aguenta mais outro desgoverno. Mas em 2022 encontro vocês com um Plano de Governo bem elaborado pra Roraima”, escreveu.

Quinto mandato

Teresa Surita ganhou pela primeira vez em 1992; voltou em 2000 e foi reeleita em 2004. Saiu em 2010 foi eleita Deputada Federal.

Na eleição de 2012 retornou ao poder sendo reeleita em 2016 para mais um mandato de prefeita que encerra em 2020.

Já disputou o governo

A única vez que tentou disputar o cargo de governadora foi no ano de 1998. Naquela eleição, ela era filiada ao PSDB, e disputou o governo de Roraima contra o então governador Neudo Campos, candidato à reeleição, sendo derrotada no segundo turno. Teresa obteve 57.352 votos, ou 47,79% do eleitorado.  Em 2018, Teresa também chegou a ensaiar uma disputa ao governo de Roraima, teria de renunciar ao cargo de prefeita. Preferiu ficar com a caneta do executivo municipal de Boa Vista. Confia a segue as postagens

Contato: [email protected]

WhatsApp (92)919542015