28.8 C
Parintins
sábado, junho 19, 2021

PGR pede volta de Daniel Silveira à prisão após deputado violar monitoramento eletrônico

Em petição protocolada no Supremo Tribunal Federal (STF) na sexta-feira (4), a Procuradoria-Geral da República (PGR) manifestou-se pela volta do deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ) à prisão, após violações que ele teria cometido ao monitoramento com tornozeleira eletrônica. No documento, são listadas situações em que o equipamento ficou sem bateria, teve a cinta rompida ou foi detectado fora da área permitida.

Preso no dia 16 de fevereiro após publicar vídeo com ameaças a ministros da Corte, Silveira está em regime domiciliar desde o dia 14 de março a pedido da própria PGR. Como alternativa à regressão da pena, o órgão sugere o reforço da tornozeleira eletrônica com a fixação de fiança “para evitar a resistência injustificada a determinação judicial e a repetição de qualquer um dos incidentes já ocorridos”. A manifestação é assinada pelo vice-procurador-geral, Humberto Jacques de Medeiros, e endereçada ao ministro Alexandre de Moraes, relator do caso.

ACESSE AQUI GAZETA DO POVO

Especial Publicitário

As maiores koiotagens

Relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui