Daniel Tanaka

O médico anestesiologista Daniel Tanaka, Diretor de Enfrentamento à Pandemia do Coronavírus em Parintins, está infectado pelo Novo Coronavírus, o Covid-19. O médico anunciou o resultado do teste positivo neste domingo, 26 de abril. Tanaka é diretor clínico do Hospital Jofre Cohen e junto com os demais médicos e profissionais de saúde faz parte da chamada “linha de frente” contra a pandemia. 

“De médico de linha de frente passei à condição de paciente. Agora é minha vez de superar a doença. Quero logo me recuperar da COVID 19. Me sinto impotente em ter de deixar meus colegas e me recolher. Por mim não me afastaria. Mas é diferente. Trata se de uma doença contagiosa. E estar atuante significaria expor colegas profissionais de saúde ao contágio”, escreveu Tanaka.

Ele é o segundo médico diagnosticado de COVID-19. O outro paciente é o médico clínico geral Rodolfo Walter Garcia Arizmendi, que está em tratamento em Manaus.

Na cidade de Parintins chegou aos 76 infectados positivo. Mais 203 casos notificados, 76 descartados, 14 recuperados, 62 em tratamento, 3 óbitos, 32 pacientes internados e 846 pessoas em monitoramento.

Acompanhe o depoimento do Médico: 

“Quando entramos numa guerra para vencer, nos entregamos de corpo e alma.
Sabemos que a qualquer momento podemos nos ferir; nesse caso, numa batalha árdua contra um vírus invisível e letal, podemos nos contaminar.
FIQUE EM CASA! Não se aglomere! Não aguentaremos assim!!!

Pois bem, mesmo tomando todos os cuidados possíveis com prevenção e uso de EPIs adequados , nessa sexta-feira, após 3 dias sentindo uma dor no peito, que piorava ao respirar fundo, optei por fazer o teste para SARS COV-2.
Eu acreditava q poderia ser uma dor causada pela ansiedade e angústia em lidar com pacientes graves, ter de tomar decisões de extrema responsabilidade.
Mas não. O resultado foi positivo.
De médico de linha de frente passei à condição de paciente.
Agora é minha vez de superar a doença.
Quero logo me recuperar da COVID 19.
Me sinto impotente em ter de deixar meus colegas e me recolher.
Por mim não me afastaria. Mas é diferente. Trata se de uma doença contagiosa. E estar atuante significaria expor colegas profissionais de saúde ao contágio.
Continuarei atuando agora no isolamento do meu lar. Tomando os remédios e reorganizando a mente para o breve recomeço, no momento mais complicado da pandemia.
Espero me recuperar plenamente e voltar a ajudar e contribuir para que vençamos essa guerra a favor do bem maior. A ViDA.
Dr Daniel Tanaka
Diretor de Enfrentamento à Pandemia do Coronavirus em Parintins”

Da Redação

[email protected]

(92) 991542015