23.3 C
Parintins
segunda-feira, maio 10, 2021

Após anúncio de paralisação, SEMED Manaus convida SINTEAM para reforçar pedido de imunização dos trabalhadores junto à Justiça

Três dias após o Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Amazonas (SINTEAM) aprovar, em assembleia geral, paralisação no dia 18 de maio, data prevista para o reinício das aulas presenciais na rede municipal de ensino da cidade de Manaus, o titular da Secretaria Municipal de Educação (SEMED), Pauderney Avelino, da gestão David Almeida (Avante)  e Marcos Rotta (DEM), convidou o sindicato para reforçar o pedido de antecipação da vacinação para a categoria.
“É de total interesse da categoria. Queremos a imunização o mais rápido possível”, disse a presidente do SINTEAM, Ana Cristina Rodrigues. A reunião foi dia 29 de abril de 2021. 
Ela aproveitou para reafirmar a posição do sindicato e da categoria de só voltar à escola após a imunização total, com as doses recomendadas e o período necessário para a efetivação da vacina. “O que não pode acontecer é tomar a vacina hoje e reiniciar as aulas amanhã. É necessário aguardar o período que o organismo precisa para reagir ao imunizante”, afirmou.
A prefeitura de Manaus ingressou com uma Ação Civil Pública na Vara Federal da Seção Judiciária do Amazonas pedindo para antecipar a ordem de vacinação dos trabalhadores da educação básica nos Planos Nacional e Estadual de Imunização e acredita que o pedido ganha força com a participação do SINTEAM.
Estrutura das escolas
Boa parte das unidades de ensino da rede municipal  funcionam em prédios alugados pela prefeitura de Manaus que não foram pensados para funcionar como escolas. Em visita a algumas delas, o sindicato encontrou problemas para caso haja o retorno das aulas. “Encontramos escolas sem pias, sem janelas para a circulação do ar, com placas informativas pequenas sobre lavar as mãos e sem aferição de temperatura na entrada”, disse a professora Beatriz Calheiro, diretora do SINTEAM.
O secretário Pauderney Avelino garantiu na reunião com o sindicato que as escolas sem condições sanitárias não voltarão a funcionar.

As maiores koiotagens

Relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui